Roteiros Portugueses, Séculos XVI a XVIII. Sua Génese e Influência no Estudo da Hidrografia, da Meteorologia e do Magnetismo Terrestre (J. M. Malhão Pereira)

Categoria: Defesas de Teses Data inicio: 2018-02-19 14:30
Data fim: 2018-02-19 17:30


Dissertação de doutoramento de José Manuel Malhão Pereira.
Na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa; sala 6.2.56 (edifício C6).

Título

Roteiros Portugueses, Séculos XVI a XVIII. Sua Génese e Influência no Estudo da Hidrografia, da Meteorologia e do Magnetismo Terrestre

Sumário

O conjunto de Roteiros portugueses dos séculos XVI a XVIII é hoje em dia o mais importante e mais volumoso, mas também o menos estudado, corpus de documentos relativos à expansão marítima portuguesa que sobreviveu em arquivos portugueses e da Europa. Auxiliares indispensáveis à navegação oceânica de longa distância, mas também usados para viagens de menor alcance, os roteiros são compilações extraordinárias de informação, não apenas sobre as questões náuticas relativas a essas viagens, mas também informação geográfica, dos aspectos meteorológicos e físicos, de fauna e flora observadas, etc.

Atendendo a que a expansão marítima portuguesa a partir do século XVI tinha uma escala verdadeiramente planetária, é seguro afirmar-se que os Roteiros portugueses desse período constituem a primeira recolha de informação sobre o mundo natural à escala de todo o planeta de que há memória na história da humanidade.

A sua importância, portanto, é superlativa, e o seu estudo, urgente. Esta dissertação pretende contribuir de maneira significativa para o estudo da roteirística portuguesa no seu todo, analisando alguns dos roteiros nos aspetos do seu âmbito geográfico, da metodologia para a aquisição da informação e seus aspetos técnicos, da sua influência no conhecimento do magnetismo, da circulação geral da atmosfera e da meteorologia, esclarecendo os diferentes conteúdos, e avançando também sobre a questão da circulação da informação neles contida.

Júri da prova

  • Pedro Ré (Presidente - Professor Associado com Agregação da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa)
  • Maria Isabel Vicente Maroto (Arguente - Professora Catedrática do Departamento de Física Aplicada, Universidade de Valladolid, Espanha)
  • Rui Manuel Taveira de Sousa Loureiro (Arguente – Investigador Integrado Centro de História de Além Mar da Universidade Nova de Lisboa)
  • João Filipe Cortez Rodrigues Queiró (Vogal - Professor catedrático, Departamento de Matemática, Universidade de Coimbra)
  • Joaquim Gaspar (Vogal - Investigador Convidado do Departamento de História e Filosofia das Ciências, Faculdade de Ciências, Universidade de Lisboa)
  • Henrique Leitão (Orientador, Investigador Principal Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa)